A terapia sexual é uma forma de psicoterapia com foco mais delimitado, que se desenvolve a partir da qualidade da relação terapeuta-paciente e do uso de métodos  e técnicas apropriados para cada momento da terapia.

É importante salientarmos que além do conhecimento técnico o terapeuta  sexual, seja ele psicólogo ou médico, tenha uma postura adequada em relação as dificuldades sexuais de seus pacientes . Pois se ele for exclusivamente técnico não promoverá diferenças significativas durante o tratamento de seus clientes.

O terapeuta precisa ser empático para que seja constituída  a aliança terapêutica, isto é  imprescindível  para que o trabalho possa se desenvolver e atingir  os objetivos desejados.